Por favor, se você quiser compartilhar alguma coisa daqui, copiar, colar, utilizar em algum bem que for seu, contate-me em: divinalush@gmail.com

Obrigada.


segunda-feira, 26 de abril de 2010


As vezes eu fujo de coisas que eu não sei como lidar. Eu corro que nem uma criança corre de seus monstros e de todos os seus fantasmas. Acho que o medo as vezes é bem maoior do qua minha força de vontade, amor. Então as vezes eu corro de você também. Corro, e também me escondo. Escondo lá onde as vezes você não sabe onde é, nos meus lugares secretos dentro do peito, dos meus qilometricos desejos de fuga e morte.

Mas, querido você, se eu realmente corro de você, é só pra saber se você vai me seguir e procurar.

Um comentário:

  1. sincero, gostei.. lol
    tbm fujo pra saber se vão me procurar..

    ResponderExcluir